Deslapidado

Eis um nascido pleno que se fragmenta até a morte, como um diamante que surge limpo, mas que atraí a sujeira das rochas. Deslapidado dia após dia. É possível enxergar e ver que brilha a cada manhã com um novo riso, livre do peso do mundo, pois suas mágoas e raivas esquecem de acordar com ele. Embora sempre renovado, sempre volta à cama imundo. As horas passam como imensos lamaçais e vastos charcos de cheiro abominável. Ele é novo a cada vez, mas sabe que irá desgastar.

Quando chega a noite então, é homem sem valores e de crimes cometidos, de amores contidos e fúrias latejantes. É quase um amante do dia, abandonado e enfurecido, sem forças para deitar-se com a noite em traição pelo sol já perdoada. É um ser sem esperanças que fede odores de revolta, cujas águas do banho morno não lavam nem querem lavar. Segue assim deslapidado até sentir sobre a cabeça os dedos mergulhados do sono que se aproxima, como arauto do dia vindouro, do amor que virá ressurreto em poucas horas. Dorme, portanto, diamante bruto e cheio de marcas, dentre as pontadas de picaretas que lhes foram cravadas, pedra oculta entre pedras brutas, difícil de dizer. Fácil de ver.

É então durante o sono que ele vê diariamente a crosta ser quebrada. Vê que todas as pedras e pancadas não riscaram o diamante, embora tivessem o objetivo. Podem ter fincado o ferro violento, arremessado-o ao chão no mais feroz dos ataques, mergulhado-o nos piores chorumes e com tintas escuras roubado seu brilho, mas o sopro das madrugadas, tão leve e agradável, bastava dançar sobre si. Iam-se todos derramados, flutuando, pedras e açoites, dores e desgostos… Por isso dormia sempre deslapidado e acordava puro.

4 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s