Os gemidos inexprimíveis

Silencia e escuta que cada alma tem seus gemidos. Toda alma clama alguma coisa e pede por alguém, em silêncio. Nascem mudas e crescem evanescendo até sumirem por completo nos olhos de quem as guarda. Entretanto, asseguro, sussurram constantemente em língua não pronunciada.

Toda alma nova canta, em allegro, esboçando sorrisos e aprendendo o mundo. São jovens aventureiras que não se prendem nem se dão, bravas vagantes não contidas no corpo miúdo. Expandem-se e florescem além da pele, extrapolam seus limites da mera carne. Belas e inconsequentes, cheias de si.

Toda alma adulta dança em adagio, contida. Dão-se facilmente, prendem-se às vezes, como âncoras lançadas em mar profundo tentando agarrar-se ao que não se vê. Não se exaspera mais além do corpo nem ousa ser mais do que já fora. Diminui-se, por bem do dono ou somente por cansar-se de ser muito. É aí que começa a falar seu idioma, contando as memórias de quando foi tudo que podia ser. Procura outra alma, geralmente, pois só outra dela poderia entender-lhe as palavras mudas.

Toda alma velha rasteja em gravíssimo. Geme seus gemidos inexprimíveis, são os sons nos quais tornara-se sua língua particular. Transformam-se, portanto, em um lamento constante de quem vai sumindo aos poucos, pois toda alma nasce grande e encerra-se em um ponto. Todas tem gemidos de saudades, do que tiveram e do que poderiam ter tido. Vontade de voltar e fazer diferente, ou fazer de novo. Desejo de estar em um carrossel do tempo, retornando e revivendo o allegro do além corpo.

Embora sejam todas portadoras do mesmo gemido, parecem não se entender. Percebem isso na medida em que tentam se comunicar. Sofrem, concluo, por serem sós de sentimento. Por dores não compartilhadas e por amores desiguais. Desistem, por fim, de ser mais que um.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s